Orquideas Selvagens

Em Portugal podem ser encontradas 55 espécies de orquideas selvagens, sendo que 27 das quais aparecem no Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros. O género Ophrys é um deles.

Orquidia SelvagemAntigamente chamávamos-lhe “abelhinhas”, por terem uma forma que nos lembrava uma abelha.

O labelo destas orquídeas imita a fêmea de uma abelha e emite um cheiro semelhante ao que a fêmea da abelha exala para atrair os zangões. Estes vêm desesperados afim de acasalar e acabam por carregar o  pólen que levam até outras flores.

Esta orquídea selvagem prefere solos calcários. Cresce até aos 30 cm.

Não é nada fácil encontrá-las. Elas adoram crescer no meio das pedras, sozinhas.

Se percorrermos as serras do Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros em busca de tesouros, nos meses de Junho a Julho, além das “abelhinhas” ainda podemos encontrar outras diferentes espécies de orquídeas selvagens. É preciso andar com os olhos bem abertos para as identificar, algumas nem parecem orquideas. Todas elas são espécies protegidas pelo que só nos é possível observar, apreciar, cheirar e fotografar.

Esta entrada foi publicada em Plantas Silvestres. ligação permanente.

2 respostas a Orquideas Selvagens

  1. DL Orquídeas diz:

    Orquídeas são lindas e cultivo cerca de 40 na minha casa. Muito bom o seu post!

    Gostar

  2. BeckyB diz:

    Beautiful, so beautiful . . . one of my delights when in the Algarve is the spring is discovering orchids on walks. Noway near discovering all the species in Portugal though!

    Gostar

Obrigado pela visita. Volte sempre!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s