Bichaninho

Para jogar o “bichaninho”, era preciso existir um monte de terra, disposto em forma de cone ou de pirâmide. O tamanho dessa moreia é conforme o número dos que entram na jogada.

No interior desse montinho de terra, colocava-se um objecto de qualquer natureza, o “bichaninho”, tendo a preocupação de o situar perto do meio, para que todos os jogadores tivessem igual número de probabilidades de o encontrar.

Pronto isto, os participantes na jogada acomodavam-se em volta do montinho de terra. Depois, com os dedos ou com um gravelhito, começavam a esgaravatar, pouco a pouco e ao mesmo tempo, no monte de terra. Enquanto esta operação durava, todos iam dizendo sem quebra, com a mesma entoação que era lenta, arrastada e monótona ao jeito de cantilena de pedinte de porta:

– “Bichaninho, bichaninho, bichaninho…”

A lengalenga parava logo que algum encontrava o “bichaninho”, o que correspondia ao fim do jogo.

Este era um divertimento a que só as crianças mais pequenas davam importância.

Esta entrada foi publicada em Jogos Tradicionais. ligação permanente.

Obrigado pela visita. Volte sempre!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s