Espinheiro Alvar

O nome cientifico é  Crataegos. Também é conhecido por Pirliteiro.

No Alqueidão chamamos-lhe espinheira.

Este arbusto de folha caduca, existe em todo o território português. Tem de altura cerca de 4 metros, e uma longevidade que pode atingir os 500 anos.

É um arbusto de copa arredondada, cujos ramos possuem espinhos longos e aguçados, dispostos nas axilas das folhas.

O tronco é liso e acinzentado. As folhas são simples, ovadas, verde-escuras. A floração ocorre nos meses de março, abril, maio, e a maturação dos frutos em agosto, setembro e outubro.

Usos e costumes

  • Com interesse ornamental.
  • Em certos países os frutos são usados na preparação de bebidas alcoólicas.
  • Pode ser usado como porta-enxerto de pereira.
  • Utiliza-se para formar sebes espinhosas resistindo bem às podas.
  • Recomendada para zonas urbanas poluídas e zonas litorais.

 Propriedades Terapeuticas

Regulariza os batimentos cardíacos, normaliza o fluxo sanguíneo, combate a hipertensão e acalma o sistema nervoso central e o simpático.

Esta é sem dúvida a planta certa para tratar de insônia ligada a desregulação cardio-vascular (palpitações, dor torácica, mal-estar, etc.).

Na Culinária

As bonitas folhas recortadas do espinheiro-alvar, semelhantes às folhas do carvalho, ficam muito bonitas na decoração das saladas de cenoura ou beterraba. As folhas têm um sabor muito leve e delicado e também combinam bem com salada de batata.

Vinho de Bagas de Espinheira

  • 2 quilos de Bagas, 1 limão, 2 laranjas, 1quilo de açucar amarelo, 5 litros de água a ferver, fermento;
  • Colocar as Bagas numa bacia e deitar-lhe em cima água a ferver;
  • Tapar e deixar ficar durante uma semana, mexendo todos os dias;
  • Passada uma semana retirar as bagas e coar;
  • Juntar então ao líquido o açucar préviamente derretido com um pouco de água.
  • Uma vez arrefecida a mistura, junta-se o fermento.
  • Tapa-se novamente e deixa-se repousar 24 horas
  • Passadas 24 horas tranfere-se a mistura para um recepiente próprio de fermentação de vinho.

Marmelada de Bagas de Espinheira

  • 1 quilo de Bagas, sumo de um limão, 1/5 litro de água, açucar.
  • Retirar todos os ramos;
  • Colocar as Bagas numa panela com a água e o sumo de limão;
  • Ferver em lume brando durante 45 minutos;
  • Retirar do lume e deixar a coar durante a noite;
  • No dia seguinte retirar a polpa, pesar o líquido e calcular 450 gramos de açucar para cada 1/5 litro de sumo;
  • Levar de novo ao lume e deixar ferver até atingir uma consistência sólida;
  • Verter em recepientes. Ao arrefecer terá a consitência da marmelada.
Esta entrada foi publicada em Plantas Medicinais. ligação permanente.

2 respostas a Espinheiro Alvar

  1. nao tem mudas pra venda de espinheiro alvar.

    Gostar

  2. Davis Menezes diz:

    Olá,gostaria de saber como faço para comprar as sementes da espinheira alvar aqui no Brasil ou as frutas ou mudas.
    Desde já agradeço.

    Gostar

Obrigado pela visita. Volte sempre!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s