Os Amados do Alqueidão

Existem no Alqueidão da Serra dois ramos distintos da grande árvore geneológica da família Amado.

A História das Nossas Familias

Um descendente dos Amados de Aljubarrota fixou-se no Alqueidão da Serra, por volta do ano de 1700, para aí constituir família.

Em 1766 vivia no Alqueidão, Domingos Vieira Amado com a sua esposa Francisca da Silva Vieira Amado. Um dos seus filhos chamava-se João Batista Vieira Amado.

  • João Baptista Vieira Amado, residente em Alqueidão da Serra, era negociante de tabaco. Foi a segunda pessoa a beneficiar do comércio de Venda de Tabaco, previlégio que lhe tinha sido concedido pela Câmara de Porto de Mós em 6 de Março de 1849. Veio a casar-se com Joana da Silva e teve 9 filhos:
  1. Maria de Jesus Vieira Amado
  2. Manuel Vieira Amado
  3. Joaquim Vieira Amado
  4. Joaquina Vieira Amado
  5. Maria Vieira de Jesus Amado
  6. Manuel Jesus Vieira Amado
  7. Baltazar Vieira Amado
  8. Francisco Vieira Amado
  9. José Vieira Amado

As famílias de apelido “Amado” que existem actualmente no Alqueidão descendem de dois dos filhos de João Batista Vieira Amado,  o Francisco e o José.

A linha descendente de José Vieira Amado

José Vieira Amado casou com Joaquina de Jesus (Joaquina Thereza) e tiveram 7 filhos:

  1. Manuel Vieira Amado;
  2. Felicidade de Jesus Amado;
  3. Maria Teresa Vieira Amado;
  4. Joana de Jesus Teresa Amado;
  5. Isabel de Jesus Vieira Amado;
  6. José Vieira Amado
  7. António Vieira Amado.

 1. Manuel Vieira Amado casou com Águeda de Jesus Roque Serrana, tiveram 10 filhos: 1.Maria Celeste Amado que foi para Torres Novas; 2.Laura de Jesus Amado (Laura Sarrana); 3.Maria de Jesus Amado (Tia Maria Coiceira), 4.Joana de Jesus Amado que foi para Porto de Mós; 5.Maria das Dores Amado (Tia Dores); 6.Francisco Vieira Amado que foi para Torres Novas; 7.Brigida de Jesus Amado (Tia Brigida); 8.Aurora de Jesus Amado que faleceu com cinco meses; 9.José Amado foi para Santarém, (veio a falecer num Lar de Idosos em Fátima) e 10.Encarnação de Jesus Amado que era professora, foi viver para Alenquer e depois para Lisboa.

Este slideshow necessita de JavaScript.

2. Felicidade de Jesus Amado casou com Joaquim Frazão e teve só um filho que se chamou José da Assunção Frazão.

 3. Maria Teresa Vieira Amado casou com José Frazão, teve 6 filhos: 1.O Padre Manuel Frazão; 2.Maria de Jesus Teresa; 3.José Frazão que casou com Maria da Encarnação de Jesus Alfaiate; 4.Águeda de Jesus Frazão que era a esposa do Ti João Vitório; 5.Joaquina Amado que casou com Paulo Vieira Saragoça, e 6.Emilia Amado Frazão que casou com Pedro Vieira Santana.

Este slideshow necessita de JavaScript.

 4. Joana de Jesus Teresa Amado casou com Francisco Vieira Alfaiate e tiveram 6 filhos: 1.Manuel Vieira Alfaiate casou com Maria das Dores Amado; 2.Brigida que nunca casou (faleceu com tubercolose); 3.Lodovina de Jesus; 4.José Vieira Alfaiate; 5.Maria da Conceição Alfaiate (Ti Alfaiata); 6.Emilia (não casou e era criada de servir em Lisboa em casa do Sr. Adolfo).

Este slideshow necessita de JavaScript.

5. Isabel de Jesus Vieira Amado não tem descendência.

 6. José Vieira Amado, casou com Maria Parreira tiveram um filho António Vieira Amado que veio a casar com Joaquina Carreira.

Etelvina - Neta de José Vieira Amado

Etelvina – Neta de José Vieira Amado

 7. António Vieira Amado que casou com Susana de Jesus Alfaiate tiveram 4 filhos: 1.Encarnação Susana; 2.Francisco Vieira Amado; 3.Paulo Vieira Amado que casou com Mary Morris, 4.Maria Susana que foi para Lisboa.

Este slideshow necessita de JavaScript.

 A linha descendente de Francisco Vieira Amado

Francisco Vieira Amado teve um filho a quem chamou Francisco Amado. Este veio a casar com Maria de Jesus que era conhecida pelo nome de Ti Catrina Velha e tiveram 6 filhos:

  1. Manuel Amado: 1879-1948
  2. Adriano Vieira Amado
  3. Francisco Vieira Amado
  4. José Vieira Amado
  5. Maria de Jesus Catarino (a Ti Catrina)
  6. António Vieira Amado: 1869-1949

1. Manuel Amado casou com Maria da Graça de Jesus Bernardo, tiveram 9 filhos, eram eles: 1.Joaquim Correia Amado; 2.Manuel Correia Amado; 3.Virginia Correia Amado; 4.João Correia Amado; 5.António Correia Amado que foi para o Canadá; 6.José Correia Amado; 7.Dinis Correia Amado; 8.Maria Correia Amado; 9.Maria da Conceição Correia Amado que casou com Manuel dos Santos Aparicio e foi para o Brasil.

De Adriano Vieira Amado, Francisco Vieira Amado e José Vieira Amado desconhece-se a descendência.

5. Maria de Jesus Catarino casou com José Francisco Saloio, tiveram 8 filhos: 1.Maria do Carmo Amado que casou com João dos Santos; 2.Manuel Francisco Amado que casou com Mónica Correia dos Reis que era do Reguengo do Fetal; 3.António Francisco Amado que casou com Maria de Oliveira Santos Amado; 4.Adelaide José Amado; 5.João Francisco Amado que casou com Leotália de Jesus Henriques; 6.Joaquim Francisco Amado, 7.Luis Francisco Amado, 8.Alberto Francisco Amado que casou com Maria de Jesus Gabriel (Ti Macena).

Este slideshow necessita de JavaScript.

6. António Vieira Amado a quem chamavam o Ti António Calça casou com Maria Filomena Silva Amado, tiveram 4 filhos: 1.Guilhermina Amado que casou com Francisco Gabriel; 2.João Amado que casou com Brigida de Jesus Amado (Tia Brigida); 3.Ermelinda Amado não casou; 4.Adelaide da Silva Amado que casou com Francisco Vieira Amado.

Este slideshow necessita de JavaScript.

No ano de 2013 foi publicado um romance de época que retrata a vida das pessoas do Alqueidão por altura das Invasões Francesas, é da autoria de João Amado Gabriel, e é baseado na história de Manuel Pereira Roque, o avô de Águeda de Jesus Roque Serrana que era a esposa de Manuel Vieira Amado (linha descendente de José Vieira Amado).

Livros Avô Capitão

A Origem do apelido “Amado”

O ramo que está nas origens ancestrais da família Amado saiu do “Clã Dias Coelho” que habitava nas regiões de Santarém e Alcanede. Entre os muitos bens que este clã possuía, existiam boas azenhas e moinhos de água na Ribeira de Alviela.

Nos anos entre 1050 e 1086, nasceu neste Clã, um menino a quem puseram o nome de Pellagium Diaz, que mais tarde se viria a juntar à Corte do Conde D. Henrique de Borgonha.

Pellagium Diaz pela amizade e préstimos efetuados ao Conde D.Henrique de Borgonha recebeu deste, o apelido de “Amado” que quer dizer Grande Amigo, e passou desde então a chamar-se Pellagium Diaz Amado. Viveu na Corte até 1114, e depois viveu como ermitão até 1145.

Pellagium Diaz Amado, casou com D. Munhinha Guterrez, esta faleceu de parto da sua filha Ouroana, o que levou Diaz Amado a um profundo desgosto. Por isso se fez ermitão, e foi viver para uma modesta habitação de religiosos em terras de Bouro na região de Braga, habitação esta que está na origem do Mosteiro de Bouro.

Um dos filhos de Pellagium Diaz Amado, SUEIRO PAES DIAS AMADO, serviu as hostes guerrilheiras do Rei D.Afonso Henriques e tomou parte na reconquista aos Mouros das cidades de Santarém e Lisboa em 1147, bem como de outros territórios que mais tarde vieram a constituir Portugal.

O Brasão da Família

amado

Armas

 Esquartelado: o 1º e o 4º de azul com uma águia estendida de ouro; o 2º e o 3º de verde com uma banda de prata carregada de seis pontos de arminho de negro. Timbre: a águia do escudo.

Pesquisas

O ramo da família Amado que por volta do ano de 1700 se fixou no Alqueidão da Serra, espalhou-se depois por todos as regiões de Portugal e por todos os cantos do mundo.

António Ribeiro Amado que desenvolve a sua actividade profissional em Porto de Mós, tem dedicado parte da sua vida a um exaustivo trabalho de pesquisa e investigação, no sentido obter contactos e agregar na mesma árvore todos os membros desta família que se encontram espalhados pelo mundo.

 

Esta entrada foi publicada em Vida Social. ligação permanente.

8 respostas a Os Amados do Alqueidão

  1. Ana Rita da silva pinto amado diz:

    Sou de Lisboa Cascais gostei muito de e saber a história dos amados

    Gostar

  2. ANTÓNIO DELFIM RODRIGUES AMADO diz:

    O NOME DO MEU PAI ERA JOSÉ RODRIGUES AMADO,NASCEU EM GUALTAR -BRAGA ,FOI PARA ANGOLA COM 15 ANOS E AI FALECEU,SEI QUE TEVE MUITOS IRMÃOS MAS DOS QUE ME LEMBRO SAO ANTÓNIO DELFIM RODRIGUES AMADO E BRUNO ÁLVARO RODRIGUES AMADO ,EU PRÓPRIO LEVO O NOME DE UM DOS MEUS TIOS ANTÓNIO DELFIM RODRIGUES AMADO QUERIA SABER MAIS SOBRE OS MEUS DESCENDENTES ,OBRIGADO

    Gostar

  3. Christiane Pereira Ramos diz:

    Boa tarde! Moro no Brasil, sou filha e neta de portugueses que chegaram aqui por volta de 1957. Não sei nada sobre a história deles, pois todos já faleceram. Estava fazendo uma busca com o nome da minha avó (Glória de Jesus Henriques – nascida em 02/05/1923) e acabei encontrando o site de vocês. Queria muito saber como procurar mais informações sobre meus familiares. Meu avô se chamava José Pereira Ramos – nascido em 04/04/1926, eles vieram com dois filhos: Maria da Graça Pereira Ramos e Firmino Pereira Ramos. Vocês tem como me auxiliar de alguma forma? Obrigada desde já.
    Christiane.

    Gostar

    • Catarina Pereira Amado diz:

      Olá Christiane, vi o seu comentário agora. Sabe se os seus avós vieram do Alqueidao da Serra? Se souber a freguesia é mais fácil pois pode tentar encontrar os registos da igreja, como casamento, batizado, etc. Veja o seguinte site para mais informacoes: https://tombo.pt/f/pms02

      Gostar

      • Antonio Amado diz:

        Os registos estão nas igrejas até implementação da República (1910), a partir 1911 passaram a ser efetuados no Registo Civil.

        Gostar

  4. Quede muy emocionada en ver la historia de la generación de los Amados,gracias por tanta información, muy bueno!!!! Un gran abrazo.

    Gostar

  5. Maria Matos Amado diz:

    Os meus tios Joaquim,Joao e Jose nunca emigraram.O tio Jose não tem descendência,O tio Joao,que eu saiba,tem um filho,uma filha e dois netos que vivem em Portugal,O tio Joaquim tinha quatro filhos,um faleceu no Canada, deixando ca um filho e dois netos duas filhas faleceram em Portugal,ambas com filhos e netos,a mais nova,Encarnacao ainda e’ viva e também tem filhos e netos,e que eu saiba, vivem todos em Sta.Iria da Azoia.Clovis Amado

    Gostar

  6. Muito bem e sempre bom sabermos donde viemos

    Gostar

Obrigado pela visita. Volte sempre!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s