8 de Dezembro de 2015

Solenidade da Imaculada Conceição

É feriado em Portugal desde que, em 25 de Março de 1646, numa cerimónia solene em Vila Viçosa, D.João IV agradeceu pela restauração da independência de Portugal em relação a Espanha, e declarou Nossa Senhora da Conceição como a padroeira e rainha de Portugal, e de todos os domínios portugueses, dando-Lhe honras de soberana e oferecendo-lhe a coroa real.

Este foi o dia escolhido para a Sessão Solene das Comemorações do 400º aniversário da criação da freguesia e paróquia do Alqueidão da Serra.

A missa das 11,30 foi celebrada pelo padre José Frazão Correia.

DSC03617

Nesta terça-feira, 8, o Papa Francisco abriu o Jubileu extraordinário da Misericórdia, com a abertura da Porta Santa na Basílica de São Pedro em Roma. Também hoje, celebra-se o 50º aniversário do encerramento do Concílio Vaticano II.

dia 8

Sessão comemorativa do 400º aniversário da criação da freguesia e da paróquia do Alqueidão da Serra

Nesta sessão solene, depois da recepção dos convidados e dos representantes das diferentes entidades, o Professor Saúl António Gomes falou sobre factos históricos relativos à criação da freguesia, e sobre o seu passado e as suas gentes.

DSC03649

Ao longo da sessão pudemos assistir a alguns momentos musicais protagonizados pelo Coral Calçada Romana e por um grupo de jovens músicos.

Foi depois feita uma homenagem aos Párocos que estiveram ao serviço do povo do Alqueidão ao longo dos tempos. Estavam presentes o padre Américo e o padre Manuel Pedro, e foram lembrados o padre Faria e o padre Frazão que não puderam estar presentes.

DSC03652

Foram também homenageados os presidentes da Junta de Freguesia que ainda puderam estar presentes, e também José da Silva Catarino, na pessoa da sua filha Fátima.

DSC03659

Estava ainda prevista a apresentação do livro “Monografia de Alqueidão da Serra” de Alfredo de Matos, mas foi adiada para outra altura.

Terminada a sessão, seguiu-se o descerramento da placa comemorativa, na sede da Junta de freguesia.

E seguiu-se o lanche convívio, onde não faltaram as morcelas, para além do porco no espeto.

 

 

 

Esta entrada foi publicada em Comemorações dos 400 anos de Freguesia. ligação permanente.

Obrigado pela visita. Volte sempre!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s