O Papa-Pilhas

Porque é importante reciclar as pilhas

Uma pilha comum contém, geralmente, três metais pesados: zinco, chumbo e manganês, além de outras substâncias perigosas como o cádmio, o cloreto de amónia e o negro de acetileno. Para além disto as pilhas alcalinas contém ainda o mercúrio, uma das substâncias mais tóxicas que se conhece.

Os metais pesados existentes no interior das pilhas não se degradam e são extremamente perigosos para a saúde e para o meio ambiente.

Por isso, pilhas e baterias representam hoje em dia um sério problema ambiental.

Na natureza, uma pilha pode levar séculos para se decompor, mas os metais pesados nunca se degradam. Em contacto com a humidade, água ou calor, os componentes tóxicos derramam e contaminam tudo por onde passam: solo, água, plantas e animais.

Com as chuvas, eles penetram no solo e chegam às águas subterrâneas, contaminando nascentes e riachos. A água contaminada entra facilmente na cadeia alimentar humana.

Os metais pesados  têm uma capacidade surpreendente para se acumular no corpo humano e em todos os organismos vivos, que são incapazes de os eliminar, comprometendo gravemente a saúde.

De entre as doenças provocadas pela contaminação com metais pesados está a anemia, debilidade, paralisia parcial, e cancro, mas eles também prejudicam o sistema nervoso central, o fígado, os rins e os pulmões.

Daí que seja fundamental reciclar as pilhas.

dsc07732

COMO É FEITA A RECICLAGEM

As pilhas e baterias são desencapadas e os seus metais são queimados em fornos industriais de alta temperatura, dotados de filtros que impedem a emissão de gases poluentes.

Neste processo é possível recapturar materiais tais como manganês, zinco, aço e carbono que voltam a ser usados em processos produtivos, como por exemplo na indústria de refractários, vidros, tintas, cerâmicas e química em geral, sem riscos nem para as pessoas nem para o ambiente.

A Ecopilhas, é a primeira entidade gestora em Portugal dedicada à recolha e reciclagem de pilhas e baterias.

A Ecopilhas celebra protocolos de colaboração com diversas entidades, (retalhistas, organismos da administração pública, escolas e universidades, hospitais, centros de Saúde, e outros estabelecimentos), que passam a ser os Ecoparceiros, em que estes se comprometem a receber recetáculos específicos para recolha de pilhas, ou seja, os Pilhões.

pilhao

A recolha será efetuada pela Ecopilhas diretamente nas instalações do Ecoparceiro, após pedido expresso do Ecoparceiro e sem qualquer custo para este.

Recolha

O cidadão desempenha o papel principal no sucesso de todo o sistema de reciclagem ao depositar as suas pilhas e acumuladores usados nos canais disponíveis de recolha seletiva, que são:

  • Os Pilhões colocados pelas Autarquias, nos seus Ecopontos.
  • Os Pilhões disponíveis nos Hiper e Supermercados, Retalhistas e outras Entidades.

As pilhas usadas que juntamos em nossas casas ficam nos colectores de pilhas dos Supermercados quando vamos à compras.

No Alqueidão da Serra existe atualmente um único ponto de recolha de pilhas usadas, que é a sede da nossa Junta de Freguesia.

Importa que se importe com a tarefa de cuidar da natureza. E todos nós receberemos os benefícios de um ambiente melhor.

dsc07748

 

Esta entrada foi publicada em Cuidar da Natureza. ligação permanente.

Obrigado pela visita. Volte sempre!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s