Alqueidão é a Minha Terra

Alqueidão é a minha terra
Terra que me viu nascer
Onde dei os primeiros paços
Na Tojeira os vou perder

Na Tojeira onde tanto trabalhei
Pelo tempo até cansei
Agora com este cansaço
Eu não sei onde chegarei

Já me sinto sem forças
Já dei o que tinha a dar
Um dia tocará o sino
Para o Pulguito abalar

Autor: Inocêncio Gomes
Alcunha: Pulguito
No Centro de Dia de Alqueidão da Serra em Outubro de 2021

No Centro de Dia de Alqueidão da Serra em Outubro de 2021
No Centro de Dia de Alqueidão da Serra em Outubro de 2021
Esta entrada foi publicada em Alqueidão. ligação permanente.

Obrigado pela visita. Volte sempre!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s